sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Faz muito sentido..


nascer para não ter vida
caminhar para não sair do lugar
voar para não sair do chão
alegrar-se por estar deprimido
respirar para não falar
falar para não dizer
libertar para ser reprimido
calar para ouvir o silêncio
onde silêncio não há

terça-feira, 19 de outubro de 2010

La haine


--------

Esta foi inspirada no filme La Haine e nas fotografias do francês Denis Darzacq. Para saber mais, veja esta postagem: O ódio

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

35


-------------

Uma das coisas que mais me agrada e relaxa hoje em dia é produzir camistas com Stencil. Espero que essa seja a primeira de uma série, a idéia é fazer artes mais toscas e instrospectivas. Ela recebeu o título de 35 pois foi inspirada em um conto do Mário de Andrade em que o 35 abandona o trabalho e sai a procura de um protesto no dia 1º de Maio, mas como não encontra nada que o motive a participar acaba voltando à labuta. Ah, e outra inspiração foi o documentário Hype! Sobre a história daquilo que se denominou Grunge, muito bom, recomendo.
----
Ops, graças ao comentário acabei encontrando o site da fotografia. Após tomar estas referências acima, encontrei uma foto do Sartre aqui e desenvolvi esse stencil a partir dela. Aí vai a foto. : D

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Contradições Cotidianas {Tom: F}

Quando eles dizem
Que o progresso e a modernidade
Estão melhorando o mundo,
É só para o seu bem
Para que você se sinta bem
E leve a vida com tranquilidade
E quando eles dizem que vivemos em paz
É mentira.. é!
É mentira também

Que paz é essa .. ?
Que paz é essa que se arma para a guerra?

Guerras de fome são toleradas
Guerras civis ignoradas
Pelos poderosos amenizadas
Com cenas de apelo emocional
Elas disfarçam o caos urbano
Que existe apenas no mundo real

Que paz é essa .. ?
Que paz é essa que se arma para a guerra?

Quando os grandes problemas aparecem
Grandes escandalos também florescem
Coincidência repetitiva
É essa ilusão - ilógica - abusiva
Eles nem se preocupam e dizem
Que é pra você sentir-se bem
E digo agora eu para alguém
É mentira.. é!
É Mentira também..

Que paz é essa .. ?
Que paz é essa que se arma pra guerra?

-------------

Essa é uma das últimas velharias que eu tinha para postar, pelo que me lembro foi a primeira canção que eu escrevi e a galera da Captania musicou. Foi muito engraçado quando eu contei que a frase usada no refrão: "Que paz é essa que se arma para a guerra?" tinha sido copiada de um trecho de uma música gospel, não me lembro de qual banda. Nada haver comigo que já na épora era ateu mas, sinceridade, essas coisas acontecem rs.. Em todo processo de criação há uma inestimável dose de cópia e transformação. Mas até hoje gosto muito dessa letrinha aí, bem significativa para aquela fase da vida.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Insanidade imunda

"Então aff sei lá hj tava conversando com um amigo e vi que realmente hj a cena gótica está impregnada da herança dos trevosos. hj se discute mais sobre a banda q é melhor do que como o cara ve o mundo, sobre a própria vida e sobre o que acontece no mundo. É mais importante a cueca de determinado vocalista em determinado show do que como fazer para que essa cidade saia do limbo, tipo temos uma cidade dividida em duas partes os muito ricos que moram em condomínios fechados perto do igapó ou atrás do shopping e os pobres no cinco conjuntos. Aff vc vai em uma festa onde que o assunto mais importante é que fulano morreu, outra ta gravida, outro passou no camargo ou programas desse tipo. Aff sinto nojo dessa situação, sinto nojo de pessoas que veem no gótico desculpa para dizerem q são mal amados que a vida deles é uma droga pq eles queriam ter comprado aquele celular. Das pessoas que vivem em suas casas trancadas com seus computadores que nunca sequer irão curtir um final de tarde. Isso não é ser gótico é só ser um rockeiro que ouve música gótica ser gótico é baseado na visão de mundo que vc carrega. O que vc ve no mundo e na sociedade que vc não concorda e fará o seu melhor para não ser/fazer igual."

"Isso é uma subcultura/contracultura."

"É fazer o que a cultura e a sociedade oficial não faz."

"Pq senão são mais um na multidão, mais uma maquina sem sentimentos que só serve para trabalhar estudar dormir e cumprir regras."


------------------


Esse texto foi postado por Mikael na Comunidade do orkut Underground Londrina. Acho que sem querer o autor acabou cutucando muito mais do que a cena underground da cidade, mas a forma de ver e agir de muitas pessoas em nossos dias. Recomendo a leitura. A proposta: fugir um pouco dos autores consagrados ou intelectuais reconhecidos e olhar para o nosso umbigo..

Ingressos para o Demosul já estão a venda!

Os ingressos para os shows do Palco Alona (15, 16 e 17 de outubro) e Palco Hotel Sumatra (20 de outubro), já estão a venda. Para os shows do Grêmio os ingressos começam a ser vendidos a partir da próxima quarta-feira.

Postos de Venda
Sonkey - R. Souza Naves, 09 - Centro
MT3 Skate Shop - R. Piaui, 877 - Centro
Up Time Inglês - R. Paranaguá, 688 - Centro

Palco Alona - (Av. Leste oeste, 518)
R$ 20,00 inteira e R$ 10,00 meia-entrada

Dia 15/10 – sexta-feira

Horário: a partir das 23h
Pata de Elefante (RS)
Búfalos D'água
Camarones Orquestra Guitarristica (RN)

Dia 16/10 – sábado
Horário: a partir das 23h
Vendo 147 (BA)
Sick Sick Sinners (PR)
The Silver Shine (UNG)

Dia 17/10 – domingo
Horário: a partir das 19h
Sugar Kane (PR)
Test Drive
Brazilian Cajuns Southern Rebels

Palco Sumatra - Hotel Sumatra (Rua Souza Naves, 803)
R$ 30,00 inteira e R$ 15,00 meia-entrada
Dia 20/10 - quarta-feira
Horário: a partir das 21h
Mombojó (PE) Mitch & Mitch (POLÔNIA)

*Não haverá venda de ingresso meia-entrada nos locais dos shows.
(Obrigatório apresentação de RG e carteirinha de estudante na entrada dos shows)

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Mousse de Amendoim Vegan


Ingredientes:
  • 1 Litro de leite de soja

  • 3 Colheres “bem cheias” de amido de milho ( maizena )

  • 6 Colheres de açúcar

  • 250 Gramas de amendoim


Modo de preparo:

Colocar os amendoins em uma forma metálica no forno até torrar. Retire do forno, deixe esfriar e retire as cascas. Aos poucos vá batendo o amendoim no Liquidificador para triturar ( cuidando para não virar pó muito fino ). Reserve isso em uma tigela.

Em uma panela coloque o leite de soja e dissolva gradualmente o amido de milho. Adicione também o açúcar ( experimentando para ver se está doce o suficiente ). Leve ao fogo e mexa até dar o ponto de mingau. Acrescente o amendoim triturado e mexa mais um pouco.

Pronto! É só colocar em um recipiente adequado, ou várias tacinhas, deixe esfriar e leve à geladeira. Está pronto para comer.


Dica da vovó:
  • Se preferir substitua o amido de milho e o açúcar por duas caixinhas de pudim de baunilha ou de outro sabor de sua preferência. ( Assim é um pouco mais caro, porém bem mais fácil de acertar o sabor ).

Ser "

Não consigo mais dormir
Pois no amanhã é tudo o que penso,
E o hoje é só o que vivo,
Eu não me entendo mais.

Eu planejo atos
Que nunca se cumprem,
Vejo cenas que se repetem,
Sempre tão desiguais,
Deve ser por isso que existem
As classes sociais
A, B, C, D e Miserável também

Vivo num país onde a ordem
Revela a desordem
Figuras de linguagem,
Políticos de imagem
Imagens rebuscadas
Confianças trincadas,
Mentes revoltadas,
Multidões enganadas,
Mas quem é que se preocupa?

Afinal,
Nós temos futebol
E carnaval!

Aprendemos com os erros,
Mas a errar continuamos,
E isso nos transforma em seres humanos,
Não somos o erro de todo o gênesis,
E sim cegos opcionais,
Pois podemos ver
Mas gostamos do escuro
Pois ele sim, ele é mais seguro

Afinal,
Nós temos futebol
E carnaval!

Desde o berço capitalistas,
De torcidas.. nacionalistas
Decoramos o hino, e mesmo sem saber
Seu significado,
Isso nos basta,
Pois o que importa
É o que pensam de nós
E não quem somos na realidade
E não o que somos de verdade

Mais in Real
Nós temos futebol
E carnaval!

Não precisamos conhecer o prato,
O que queremos é matar a fome,
E tudo, tudo isso nos basta,
Não precisamos nem digerir,
Está tudo alí, já mastigado,
Mesmo errado, isso nos basta!
Está errado, isso nos basta!
Pos é assim que deve ser,
Não não me pergunte o por quê..
O que nos basta?
Se disserem que é bom e também usarem
Nós vamos aderir, pois vemos na tv

E sem no começo, meio e final
Nós temos futebol
E carnaval..

Nossa razão é a rotina de tudo
Pra nós emoção é novela e o som do surdo,
E é claro, a eles tudo basta,
E para mim, isso basta?
Você pasta, o que lhe basta?

Alienação existencial
Viver vida vida vegetal
Automatismo inconsciente
Sobre vivência deficiente
Isso é o que lhe resta
Será que isso presta?

Pensar questionar,
viver slecionar
viver para pensar
e não para morrer

-----------

rs.. mais uma velharia, tem coisas aí que eu jamais escreveria nos dias de hoje.