segunda-feira, 27 de outubro de 2008

De et para et

Tronco boiando não adianta não
É como se iludir
Você não afunda, mas segue o rio
Até a hora de cair
Você percebe que o tempo se vai
Como as águas de um rio
Vai se afastando, se encolhe mais
Deixando um vácuo, um vazio
Voltar, voltar, voltar
Não tem por onde. Onde?!
Você está solto, pode se afundar
Ou pode se controlar! Lá, lá!

Forte e grande é você!
Forte e grande é você!

Ondas gigantes e o fundo do mar
Desconhecido funil
Girando em torno da sua emoção
Cheia de medo e de frio
Até, até, até os ossos rangem. Rangem.
Tronco boiando, boiando, não adianta não
Você não afunda, não afunda
Mas segue o rio
Você está solto, pode se afundar
Ou pode se levantar! Tá, tá!

Forte e grande é você!
Quem é você?

Você percebe que o tempo se vai
Desconhecido funil.

Letra: Cólera

--------

De legião a cólera.
alguém entende?
foda-se.
Amanhã, quem sabe.
Hoje. Estamos em pé!

A montanha mágica

Sou meu próprio líder: ando em círculos
Me equilibro entre dias e noites
Minha vida toda espera algo de mim
Meio-sorriso, meia-lua, toda tarde

Minha papoula da Índia
Minha flor da Tailândia
És o que tenho de suave
E me fazes tão mal

Ficou logo o que tinha ido embora
Estou só um pouco cansado
Não sei se isto termina logo
Meu joelho dói
E não há nada a fazer agora

Para que servem os anjos?
A felicidade mora aqui comigo
Até segunda ordem

Um outro agora vive minha vida
Sei o que ele sonha, pensa e sente
Não é por incidência a minha indiferença
Sou uma cópia do que faço
O que temos é o que nos resta
E estamos querendo demais

Minha papoula da Índia
Minha flor da Tailândia
És o que tenho de suave
E me fazes tão mal

Existe um descontrole, que corrompe e cresce
Pode até ser, mais estou pronto prá mais uma
O que é que desvirtua e ensina?
O que fizemos de nossas próprias vidas


O mecanismo da amizade,
A matemática dos amantes
Agora só artesanato:
O resto são escombros

Mas, é claro que não vamos lhe fazer mal
Nem é por isso que estamos aqui
Cada criança com seu próprio canivete
Cada líder com seu próprio 38

Minha papoula da Índia
Minha flor da Tailândia

Chega, vou mudar a minha vida
Deixa o copo encher até a borda
Que eu quero um dia de sol
Num copo d'água


Renato Russo
Legião Urbana

 Legião Urbana - A Montanha Mágica

--------

Hoje me deu vontade de reler Thomas Mann, ou Herman Hess.

Relembrar um passado distinto
que se confunde com o presente
e aponta para o futuro.

Pena. Que já não tenho tempo para isso.
Não agora. Quem sabe, ao final do ano.

sábado, 25 de outubro de 2008

A lei


Este caso da parteira merece sérias reflexões que tendem a interrogar sobre a serventia da lei.

Uma senhora, separada do marido, muito naturalmente quer conservar em sua companhia a filha; e muito naturalmente também não quer viver isolada e cede, por isto ou aquilo, a uma inclinação amorosa.

O caso se complica com uma gravidez e para que a lei, baseada em uma moral que já se findou, não lhe tire a filha, procura uma conhecida, sua amiga, a fim de provocar um aborto de forma a não se comprometer.

Vê-se bem que na intromissão da "curiosa" não houve nenhuma espécie de interesse subalterno, não foi questão de dinheiro. O que houve foi simplesmente camaradagem, amizade, vontade de servir a uma amiga, de livrá-la de uma terrível situação.

Aos olhos de todos, é um ato digno, porque, mais do que o amor, a amizade se impõe.

Acontece que a sua intervenção foi desastrosa e lá vem a lei, os regulamentos, a polícia, os inquéritos, os peritos, a faculdade e berram: você é uma criminosa! você quis impedir que nascesse mais um homem para aborrecer-se com a vida!

Berram e levam a pobre mulher para os autos, para a justiça, para a chicana, para os depoimentos, para essa via-sacra da justiça, que talvez o próprio Cristo não percorresse com resignação.

A parteira, mulher humilde, temerosa das leis, que não conhecia, amedrontada com a prisão, onde nunca esperava parar, mata-se.

Reflitamos, agora; não é estúpida a lei que, para proteger uma vida provável, sacrifica duas? Sim, duas porque a outra procurou a morte para que a lei não lhe tirasse a filha. De que vale a lei?

Lima Barreto
Vida urbana, 07/01/1915

-------

Lima Barreto, além de escritor, jornalista, anarquista e incansável defensor da classe operária, sempre foi um grande pedagogo e crítico social. Seus escritos ainda hoje nos fazem pensar e entender a realidade. Viva Barreto! Eterno em nossos corações.

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Software Livre

Universidade pública,
"gratuita" e de qualidade

só é possível com Software Livre

Software livre é um programa de computador que garante ao usuário algumas liberdades básicas: a de ser utilizado, copiado, estudado e até alterado e distribuído de forma irrestrita. Dessa forma, aqueles que utilizam e defendem o software livre baseiam suas relações em princípios solidariedade e compartilhamento do saber. A universidade pública, em princípio, funciona da mesma forma, ela se torna pública, gratuita e de qualidade ao permitir o acesso, permanecer autônoma perante governos e corporações e criar condições para que o conhecimento seja produzido e difundido. E isso só é possível com o Software Livre. Enquanto o Software Proprietário(não-livre) e a pirataria auxiliam a manter o monopópio de programas de computador, empurram os usuários para a marginalidade e criam cidadões dependentes, o Software Livre fortalece a solidariedade e a economia local ao aproximar os usuários e garantir que a renda investida em um sistema computacional permaneça em circulação e não “morra” em contas extrangeiras. Isso também é possível pois ele não é necessáriamente um software gratuito e, quando gratuito, organizações podem explorá-lo comercialmente oferecendo serviços de desenvolvimento, manutenção e suporte. Mais que uma bela utopia, o Software Livre se materializou na última década como uma alternativa real ao monopólio de software que estava se consolidando em torno de algumas empresas e a exclusão digital. Hoje já é possível realizar desde as atividades mais simples, como acessar a internet e ler email´s, até as mais complexas, como produzir animações tridimensionais em alta qualidade em software livre. Então porque não usá-lo? Mais que isso: é preciso incentivar sua difusão pelo apoio aos grupos de usuários, criação de programas, organização de eventos relativos ao tema e capacitação dos usuários.


Maiores informações em:
Wikipedia - Software Livre

* Esse texto me foi solicitado pela galera do campo "Barricadas",(muitos são integreantes do PSOL), que estão construindo uma tese para o congresso do DCE-UEL.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Liberdade

Perceber aquilo que se tem de bom no viver é um dom
Daqui não
Eu vivo a vida na ilusão
Entre o chão e os ares
Vou sonhando em outros ares, vou
Fingindo ser o que eu já sou
Fingindo ser o que já sou
Mesmo sem me libertar eu vou

É Deus, parece que vai ser nós dois até o final
Eu vou ver o jogo se realizar de um lugar seguro

De que vale ser aqui
De que vale ser aqui
Onde a vida é de sonhar?
Liberdade

Marcelo Camelo



Não é porque hoje tem cover dos los hermanos.( Matita Perê )
Estou ouvindo o cd Sólo do barbudo.
Recomendo.
Gostei.

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Ídolos: rede record

Sim, a merda da televisão estava ligada.
Mesmo após as desafinações..
os jurados soltavam seus comentários exagerados
e toscos.
Isso tudo não me cheira bem.


"Essa noite está sendo um prazer estar aqui sentado"
jurado do ídolos comentando as apresentações

"parece ter saído de suas vísceras"
jurado do ídolos comentando as apresentações

Víscera: do Latim viscera, pl. de viscus, entranhas

s. f., designação genérica dada aos órgãos mais importantes alojados nas cavidades torácica e abdominal;

(no pl. ) entranhas;
(no pl. ) intestinos.




.deliguei a televisão.

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Audiência sobre a Usina Mauá

Sexta, 10 de outubro às 14:00 horas na Câmara Municipal de Londrina.

Em debate:

1-) Os estudos de impacto estão sendo conduzidos separadamente para cada usina, sem considerar os efeitos cumulativos das 08 usinas (UHEs) pretendidas no rio Tibagi;

2-) Os estudos ambientais apresentados apenas para a UHE Mauá, já apontam a EUTROFIZAÇÃO do reservatório, com ambiente propício à criação de algas que liberam toxinas cancerígenas na água;

3-) As áreas a serem alagadas contém matas únicas, depósitos de resíduos, túneis de mineração, estes últimos que segundo laudo apresentado, irão tornar o Tibagi um caldo de metais pesados, prejudicando sua qualidade para abastecimento;

4-) Os estudos ambientais apresentados apontam que o rio de correnteza depura (limpa) com eficiência as águas, e que a partir de sua transformação em ambientes lênticos (reservatórios), perderá essa
capacidade de depuração.

É CERTA A PERDA DA QUALIDADE DA ÁGUA QUE ABASTECE LONDRINA, COM SÉRIOS PREJUÍZOS À POPULAÇÃO ATUAL E COMPROMETIMENTO DA QUALIDADE DE VIDA DAS FUTURAS GERAÇÕES.

O PREÇO DA ÁGUA IRÁ AUMENTAR SEVERAMENTE AO LONGO DOS PRÓXIMOS ANOS, COM NECESSIDADE DE MAIS TRATAMENTO, E MENOS QUALIDADE.

A DESTRUIÇÃO DAS MARGENS DO RIO ESTÁ SE INICIANDO, MAS AINDA É "POUCO" PERTO DA CATÁSTROFE ANUNCIADA COM DESTRUIÇÃO DE 8.000 HECTARES (80.000.000 de m2) DE MATAS CILIARES, SOMENTE PARA A PRIMEIRA USINA (MAUÁ)



Contato:
Carlos Eduardo Levy
OAB-PR 33.868
Avenida Duque de Caxias 1980 sl 304
Londrina-PR
(43) 3356-4658 / 9107-6931

Vamos lá!

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Hum..



Poxa, se eu soubesse que era fácil
Tinha experimentado isso antes.

Não respeita a estética da padaria, ehauehu, é verdade.

Mas, ficou muito bom!

Tomei como base essa Torta de banana Maria

Incluí granola e aveia na parte seca.. ;D Recomendo!

Momentos de mistério...


Acabei de inventar uma torta vegan integral muito doida
de banana, canela, granola e aveia.

Tá no forno.

Será que vai dar certo?

auehueahu..

Se der eu aviso, se não der, o que é muito provável, faço logo uma queima de arquivo desse post aqui. heheh..


E quem se interessar, veja o post abaixo sobre o encontro de vegetarianos em Maringá.

Quem estiver afim de ir me avisa.

Encontro Vegetariano em Maringá



Será realizado um encontro vegetariano em Maringá nesse dia 12/10/2008.

Estamos organizando uma van que sairá de Londrina para lá.

Interessados me avisem. Emai: oigodoy @ yahoo.com.br

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

é coisa de maluco

Acessem o google translator e solicitem a tradução da frase:

"USA é o país que mais polui no mundo.”

Ou então:

"USA é comandado por Bush".

Do português para o inglês

Atalho para consultar direto:

"USA é o país que mais polui no mundo.”
"USA é comandado por Bush".


hehehe.. ;D